9 marcas com marketing brilhante no Facebook – Parte 2

Case 02: March of Dimes
Número de fãs: 595 mil
Bom, hoje é dia de continuarmos falando de cases de sucesso no Facebook. A escolhida para o nosso post é a March of Dimes, uma organização norte americana sem fins lucrativos. Acredite, temos muito a aprender com suas técnicas de engajamento. Existem milheres de organizações sem fins lucrativos espalhadas pelo mundo e que necessitam nossa ajuda, o que torna bem difícil a tarefa da March of Dimes. O que nos faria escolher uma em detrimento de outra? Boa estratégia! A March of Dimes enfatiza o aspecto educativo das iniciativas que apoiam. Sua página no Facebook serve como guia para as futuras mamães, com informações para o durante e após a gestação. Muitos dos seus posts consistem em informações sobre estilo de vida saudável e cuidados para os bebês antes e depois de nascerem. Dicas úteis para as mamães de primeira viagem que procuram avidamente por informações. Um de seus aplicativos permite que seus fãs se increvam na “March for Babies”, uma caminhada para levantar fundos. Outro aplicativo muito interessante que a página disponibiliza é o “39 weeks” (39 semanas), que mostra como ocorre o desenvolvimento do bebê em cada semana da gestação e permite que seus seguidores compartilhem experiências. Infelizmente, nem todas as gestações ocorrem sem problemas, e o March of Dimes acaba se tornando não apenas um recurso educacional, mas também um auxílio emocional para quem teve problemas com a sua.
marketing facebook
As estratégias adotadas pela March of Dimes estão se mostrando eficientes, os números provam isto, pois o número de inscritos para suas caminhadas aumentou em 75% e sua receita em mais de 100%. Para uma ONG, o trabalho de gerar receita e ao mesmo tempo ser sensível às necessidades e tragédias que seus seguidores enfrentam, ou enfrentaram, é muito difícil. Por esta razão a March of Dimes merece reconhecimento, pois contribui positivamente na vida de milhares de pessoas, tanto na disseminação do conhecimento quanto na ajuda prática.
Você leu sobre o primeiro case? Leia aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.