Por que Instituições de Ensino devem prospectar funcionários pelo LinkedIn

Por Que Instituições De Ensino Devem Prospectar Funcionários Pelo LinkedIn - ecommerce por Loft44 - Flow Commerce

O LinkedIn é a maior rede profissional do mundo, com mais de 433 milhões de usuários e tem como objetivo conectar pessoas a partir de demandas e semelhanças em suas experiências profissionais. Mas como o LinkedIn pode ajudar uma Instituição de Ensino a aperfeiçoar seu método de prospecção de funcionários?
Se por um lado a taxa de crescimento de dois novos perfis por segundo no LinkedIn é positiva, isso pode atrapalhar na hora da seleção já que é um campo tão grande para descobrir novos talentos. Uma solução é a conexão entre a Instituição de Ensino e seus ex-alunos – profissionais próximos e bem qualificados que conhecem a Instituição por dentro.

Por que o LinkedIn?

Em 2014, o LinkedIn passou a ser a segunda rede social mais acessada no Brasil, perdendo apenas para o Facebook e superando o Twitter. Uma Instituição de Ensino brasileira ou que queira prospectar funcionários brasileiros tem que estar no LinkedIn – o Brasil é o quinto país que mais acessa a rede. Atualmente, no Brasil já são mais de 35 milhões de usuários.

University Page

O LinkedIn criou, em 2013, um modelo de página empresarial especialmente para o uso das universidades, a University Page (página universitária). Inicialmente, a rede social estava focada num mercado crescente: o de prospecção de alunos do ensino médio pelas universidades. Mas, recentemente, o LinkedIn fez uma série de mudanças na plataforma e o foco voltou-se para os alunos que estão se graduando e partindo para a jornada profissional.
As páginas universitárias estão se fortalecendo como espaços de conexão entre o mercado de trabalho e a comunidade universitária. Isso faz com que muitos alunos se conectem com as páginas das suas universidades para exaltar sua formação acadêmica. Sem nem ao menos gastar recursos para se conectar com profissionais, a quantidade de seguidores das páginas universitárias cresce a cada leva de calouros que iniciam seus estudos e/ou acadêmicos que passam a se interessar a prospectar estágios e empregos. É uma base de dados muita completa que você pode usar para encontrar seu próximo funcionário.

Anúncio de Vagas

No LinkedIn é possível anunciar vagas de emprego e um dos principais focos dessa rede é a oferta e a procura por empregos. As Instituições de Ensino podem publicar conteúdos relevantes para seus seguidores e esse espaço para postagem pode ser utilizado para anunciar as vagas em aberto. A Universidade de Washington tem o “Job Post of the Week” (Post Trabalho da Semana em tradução livre) e a resposta vem sendo muito positiva. Afinal de contas, quem conhece melhor as especificidades das Instituições de Ensino que os alunos de graduação e pós-graduação, que passam cinco, seis, dez anos frequentando o espaço?

Loft44 - prospectar funcionários pelo LinkedIn
A Universidade de Washington posta semanalmente vagas na sua página oficial no LinkedIn

Profissionais de destaque

As páginas universitárias contém um espaço que tem muita visibilidade, a de ex-alunos notáveis. Ali são reunidos os alunos mais famosos e que melhor progrediram na vida profissional. Imagina um deles trabalhando na sua instituição? Ou falando muito bem sobre a experiência profissional que teve na sua instituição?

Loft44 - prospectar funcionários pelo LinkedIn
Bill Gates é baita propaganda, hein? O presidente Obama também está nessa lista de alunos notáveis da Universidade de Harvard.

Aliás, as Instituições de Ensino devem estimular seus alunos e ex-alunos a fazerem depoimentos na sua página. A melhor indicação que alguém pode receber é de um conhecido que tenha estudado ou trabalhado na sua Instituição de Ensino. Em outro post nós demos dicas de ações para aumentar as matrículas na sua instituição de ensino. Se tiver alguma dúvida, não hesite em entrar em contato com a gente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.