Redes sociais e sua importância para cantoras POP

Redes sociais e sua importância para cantoras POP

Se presença nas redes sociais é essencial para o posicionamento das empresas no mundo digital, o mesmo se aplica para artistas, principalmente as cantoras de música pop.

Da metade dos anos 2000 para cá o acesso à música foi democratizado graças ao avanço da internet e de serviços de streaming ou vendas. Se antes era necessário ir até a loja comprar o álbum físico (o famoso CD), agora é possível ouvir e/ou baixar a música no dia do lançamento em plataformas como Spotify, iTunes ou Apple Music, por exemplo.

Com esse avanço, não só as vendas dos CDs contam para o resultado final, mas principalmente as vendas digitais e execuções dos artistas. Nos Estados Unidos, por exemplo, 10 músicas vendidas no iTunes ou 1.500 execuções no Spotify equivalem a um álbum vendido para o artista, por exemplo.

Por isso as redes sociais são essenciais para marketing pessoal e contato com os fãs, mas principalmente para divulgação de seus trabalhos, sejam eles músicas, filmes ou campanhas publicitárias. Separamos três exemplos de cantoras pop famosas mundialmente:

KATY PERRY

KATY PERRY REDES SOCIAIS

Se vídeos ao vivo é uma das tendências das redes sociais em 2018, Katy Perry sabe muito bem disso e aproveitou na campanha do álbum Witness na metade de 2016.

Na semana do lançamento, a americana fechou uma parceria com a Motorola e YouTube e ficou reclusa em uma casa onde foi filmada por mais de 40 câmeras por três dias seguidos. No período, além de receber convidados famosos, ela interagiu com os fãs que bombardearam as redes sociais com a hashtag oficial do live. O Katy Perry Witness World Wide foi encerrado com um show ao vivo (foto) para um grupo seleto de fãs. O álbum da cantora, graças principalmente à visibilidade da transmissão, atingiu o topo nos Estados Unidos na semana de lançamento.

Outro exemplo foi a parceria com a brasileira Gretchen. Famosa mundialmente nas redes sociais – principalmente no Twitter – pelos seus gifs, ela chamou atenção da cantora que a convidou para estrelar o lyric video de uma das músicas do álbum. Hoje o vídeo já passa das 70 milhões de visualizações no YouTube.

redes sociais cantoras

RIHANNA

RIHANNA REDES SOCIAIS

Para o lançamento do seu álbum Anti em 2016, Rihanna fez uma parceria com a gigante Samsung e pegou todos os fãs de surpresa com o Anti Diary, um site que funcionava como uma casa de oito cômodos. A cada momento que um dos cômodos era revelado para o visitante (no caso nós, os internautas), era possível ver vídeos exclusivos, fotos e curiosidades da cantora e do álbum.

Enquanto o oitavo e último quarto era revelado, o álbum foi lançado com exclusividade e gratuitamente no serviço de streaming Tidal, outro diferencial da campanha.

Clique aqui e saiba como melhorar o engajamento das suas publicações nas redes sociais.

 

ANITTA

Por último e não menos importante temos uma representante brasileira. Anitta sabe usar as redes sociais como uma especialista. Na função Stories do Instagram, a cantora compartilha detalhes do seu dia a dia, vídeos que fãs enviam e até como anda o desempenho de suas músicas ao redor do mundo.

Para o lançamento do clipe de Paradinha, a cantora organizou um mutirão nas redes sociais para incentivar o público a assistir ao recém-lançado clipe da música. No mesmo dia, ela também visitou o YouTube Brasil para dar entrevistas e realizar uma transmissão ao vivo. O resultado deu tão certo que o clipe de Paradinha passou das 50 milhões de visualizações no YouTube em menos de um mês.

A relevância da cantora nas redes sociais foi comprovada pela lista Social 50 da Billboard – que avalia streamings, visualizações, seguidores e menções – onde ela é a única brasileira que aparece semanalmente entre os artistas mais influentes na internet.

Planilha de planejamento de conteúdo

Baixe a mesma planilha usada pela equipe de conteúdo da Loft44.
Clique para baixar

Sem comentários

Deixe um comentário